terça-feira, 17 de janeiro de 2017

Pós-Jogo: Everton 4x0 Manchester City (Campeonato Inglês 2016/17, 21ª Rodada)


Em uma exibição quase perfeita - especialmente no segundo tempo - e contando com uma partida abaixo da média do rival, o Everton destruiu o Manchester City no Goodison Park aplicando um sonoro 4x0 e deixando sua torcida em puro êxtase.

O jogo:

Desde o início da partida o Everton manteve uma marcação agressiva, subindo as linhas e forçando o Manchester City a trocar passes no campo de defesa. Ronald Koeman acertou na escalação de três zagueiros, que fechavam em uma linha de cinco defensores nos momentos defensivos quando tinham a ajuda de Coleman e Baines. Os Toffees permaneceram intensos e compactos durante todo o jogo.

Logo no início Kevin Mirallas, que jogava com bastante liberdade, teve um gol anulado. Coleman que havia dado o passe estava impedido. O City respondeu no contra golpe. De Bruyne serviu Sterling, mas Baines e Robles atrapalharam a ação do jovem atacante que não conseguiu dar sequência no lance.
O belga De Bruyne fazia boa primeira etapa e assistiu para mais dois lances de perigo, primeiro lançando Sterlig e depois David Silva. Os dois pararam no goleiro Robles. Aos trinta e quatro minutos, Davies achou grande passe para Mirallas. O camisa onze só rolou para trás e Lukaku chapou bonito para a rede: 1x0 Everton e décimo segundo tento de Romelu na Premier League.
Os Citizens ainda assustaram em mais duas chegadas antes do intervalo. Sterling pegou uma boma de canhota de fora da área que passou raspando o gol e Sagna completou cruzamento de cabeça que só configurou-se no empate porque Davies afastou o perigo quase na linha.

O segundo período do jogo começou com festa da torcida. Logo aos quarenta e sete, Barry ganhou no meio de campo e depois da sobra Barkley achou Mirallas que no seu arremate característico bateu rasteiro e cruzado para vencer o goleiro Bravo: 2x0.
Schneiderlin estreou substituindo Mirallas para reforçar a marcação e dar mais liberdade para as subidas de Tom Davies que estava em uma tarde inspirada. Aos setenta e nove aconteceu lance do jogo: Holgate desarmou Sterling, a bola ficou com Davies que arrancou do campo de defesa, deu um lindo corte passando entre Clichy e Yaya Touré, tocou para Barkley, caiu, levantou-se e recebeu a bola de volta do camisa 8 saindo cara a cara com Bravo e completou com um leve toque por cima do chilena. Um golaço do melhor do jogo que foi comemorar nos braços dos torcedores: 3x0 Everton.

Davies tocou por cima de Bravo para anotar o 3° gol do Everton
Goodison Park já estava em festa e Lukaku após mais um lindo passe de Barkley quase aumentou a alegria do seu torcedor, ams era Lookman que estava destinado a encerrar as comemorações.
O jovem atacante recém chegado do Charlton substituiu Ross Barkley aos noventa e não precisou de muito tempo para anotar o seu primeiro gol com a camisa do Everton.
Stones, que já fazia péssima partida, foi afastar a bola da defesa e acabou acertando Coleman, a bola ficou oferecida dentro da área e Lookman não hesitou, bateu firme e cruzado para fechar a conta, 4x0, City devastado e arquibancada pulsando. QUE VITÓRIA!

Com o resultado os Toffees chegaram a 33 pontos e seguem na sétima colocação da Liga. O próximo encontro será contra o Crystal Palace pela vigésima segunda rodada. O Mnachester City que caiu para quinta posição irá receber o Tottenham no Etihad Stadium.

Ficha técnica: Everton 4x0 Manchester City
Gols: Lukaku (34'), Mirallas (47'), Davies (79') e Lookman (94').
Assistências: Mirallas, Barkley (2) e Coleman
Amarelos: Holgate e Lukaku / David Silva e Otamendi

Everton: Robles, Holgate, Williams e Funes Mori; Coleman, Davies, Barry (Mccarthy 74') e Baines; Mirallas (Schneiderlin 65') e Barkley (Lookman 90'); Lukaku
Técnico: Ronald Koeman

Manchester City: Bravo, Sagna, Otamendi, Stones e Clichy; Yaya Touré, Zabaleta (Iheanacho 62'), De Bruyne e David Silva, Sterling e Agüero.
Técnico: Pep Guardiola

Estatísticas:


Everton
Man City
Posse de bola
29%
71%
Chutes
6
13
Chutes na meta
4
5
Escanteios
3
6
Faltas
17
7
Cartões amarelos
2
2
Cartões vermelhos
0
0

Melhores momentos: http://espn.uol.com.br/video/662534_premier-league-melhores-momentos-de-everton-4-x-0-manchester-city

sábado, 14 de janeiro de 2017

Pré-Jogo: Everton x Manchester City (Campeonato Inglês 2016/17, 21ª Rodada)


Tendo apenas o Campeonato Inglês para disputar, após a eliminação na FA Cup para o Leicester, o Everton recebe o City em Goodison Park neste domingo. As próximas partidas ganharam ainda mais importância, já que, dependendo dos resultados, o time pode acabar ficando sem objetivo algum bem cedo no campeonato. Atualmente, doze pontos separam o Everton da zona de classificação para a Europa League.

NOVIDADES DAS EQUIPES

Morgan Schneiderlin já está integrado ao elenco e pode fazer sua estreia neste domingo
Ronald Koeman pode promover a estreia do meia recém-contratado Schneiderlin que já está a disposição no elenco. Ademola Lookman, outra cara nova, também tem chance de ser relacionado para a partida.

Pelo lado do City, quem retorna é o zagueiro Vincent Kompany após bom tempo afastado por lesão. O atacante brasileiro Gabriel Jesus teve problemas com sua regularização e ainda não poderá estrear.

RETROSPECTO


O último confronto entre as duas equipes terminou empatado em 1x1. A partida disputada no Etihad Stadium marcou duas grandes defesas de Stekelenburg em pênaltis cobrados por De Bruyne e Agüero. No retrospecto geral, a equipe de Manchester tem mais vitórias: São 63 dos City contra 59 do Everton e 43 empates.

PROVÁVEIS ESCALAÇÕES

Everton: Robles, Coleman, Williams, Funes Mori e Baines; Barry, Schneiderlin, Barkley, Mirallas, Valencia e Lukaku.

City: Bravo, Sagna, Otamendi, Stones, Kolarov; Fernando, Yaya Toure, Silva, De Bruyne, Sterling e Agüero.

TRANSMISSÃO
ESPN + TV por assinatura) - 11h30 (horário de Brasília)

Pós-Jogo: Everton 1 x 2 Leicester City (FA Cup 2016/17, 3ª fase)


O Everton deu adeus à FA Cup ao ser derrotado em Goodison Park pelo Leicester, de virada, por 2 a 1. A eliminação precoce pegou o torcedor de surpresa, mesmo se tratando de um adversário da Premier League.

Os Toffees saíram na frente aos 18 minutos da segunda etapa, quando Deulofeu fez bela jogada individual e cruzou para Lukaku, que só teve o trabalho de esticar o pé e completar para as redes.


Apenas três minutos depois, Gray cruzou para a área, Musa dividiu com Robles e completou para o gol, após acertar a trave na primeira tentativa. Mais cinco minutos se passaram e Musa tabelou com Drinkwater na entrada da área, saiu cara a cara com Robles e fez o gol da classificação dos Foxes.

O Everton volta a campo amanhã, 11h30 às (de Brasília), contra o Manchester City, em Goodison Park.

Estatísticas:


Everton
Leicester
Posse de bola
58%
42%
Chutes
14
12
Chutes na meta
5
5
Escanteios
11
4
Faltas
12
5
Cartões amarelos
1
1
Cartões vermelhos
0
0


Melhores momentos:

sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

Schneiderlin vem, outros dois saem: transferências no Everton

Schneiderlin no vestiário do Everton. Foto: site oficial do clube.
E na última quinta-feira (12) o Everton finalmente anunciou a chegada de Morgan Schneiderlin, que estava com pouco espaço no Manchester United após José Mourinho assumir o comando dos Diabos Vermelhos.

Nessa jornada em busca do francês, os Toffees demoraram para fazer o anúncio, mesmo depois de Schneiderlin ter sido visto em Finch Farm na quarta-feira (11), provavelmente fazendo alguns exames ou acertando outros detalhes. O volante de 27 anos chegou em Merseyside com um discurso ambicioso: "Pretendo deixar minha marca neste clube e fazer de tudo para colocar o Everton onde ele merece. O Everton é um grande clube na história do futebol inglês e sempre adorei a atmosfera do estádio."

Schneiderlin e Koeman se reunem novamente, desta vez no Everton. Foto: site oficial do clube.
Koeman também expressou sua satisfação com a chegada de Morgan; juntos, reviverão a parceria bem sucedida no Southampton: "Conheço o jogador, sei das qualidades dele, o conheço como pessoa e ele estava louco para vir pro Everton - era isso que precisávamos. Queremos bons jogadores, mas também jogadores que queiram mostrar suas qualidades para a torcida do Everton."

Schneiderlin assina por 4 anos e meio (até junho/2021), com o clube desembolsando inicialmente vinte milhões de libras para adquiri-lo, com o valor final da negociação podendo chegar aos £24 milhões. Morgan vestirá a camisa número 2, sem dono desde a saída de Hibbert, e ele pode fazer sua estreia já neste fim de semana, contra o Manchester City.

CLEVERLEY E NIASSE SAEM POR EMPRÉSTIMO

Enquanto Schneiderlin chega, Cleverley sai para o Watford. Foto: site oficial do Watford.
Após o anúncio de Schneiderlin, o Everton confirmou a transferência de Tom Cleverley, que perdeu espaço após a chegada de Koeman, para o Watford. Cleverley ficará nos Hornets por empréstimo até o final da temporada, mas o clube de Elton John tem opção de compra ao final do vínculo. O meia atuou apenas 12 vezes nesta temporada dos Blues.

Niasse ganha nova chance, no Hull, até o final da temporada. Foto: site oficial do Hull.
Já Niasse, que foi descartado do time principal desde a pré-temporada, se juntou ao Hull na manhã desta sexta-feira (13), também por empréstimo, mas sem opção de compra, contrariando os rumores anteriores a negociação. Niasse estava jogando pelo time sub-23 dos Toffees e teve um desempenho positivo, com 7 gols em 7 jogos.

Cleverley e Niasse não poderão atuar contra o Everton, quando Watford e Hull visitarão Goodison, nos dias 13/05 e 18/03 respectivamente.

sexta-feira, 6 de janeiro de 2017

Pré-Jogo: Everton x Leicester (FA Cup 2016/17, 3ª Fase)


Neste sábado, 07/01, o Everton estreia na FA Cup desta temporada, diante de sua torcida e recebendo o atual campeão inglês Leicester. Após a eliminação precoce na Copa da Liga, esta é a única oportunidade dos Toffees de alcançarem um grande objetivo na temporada.

NOVIDADES DAS EQUIPES

Everton não deverá contar com Gueye nos próximos jogos, devido a sua convocação para a Copa Africana de Nações
Koeman já havia declarado durante a semana que Stekelenburg, McCarthy e Calvert-Lewin não jogarão neste sábado, com o último ficando de molho por até 8 semanas. Lennon é dúvida para a partida, deixando um vácuo ainda maior dentre as opções para os lados do setor ofensivo do time. A nova contratação, Ademola Lookman não pode atuar pelo Everton na competição, por já ter atuado pelo Charlton. Gueye já está com a seleção de Senegal para participar da Copa Africana de Nações e também desfalca os Toffees.

Já o Leicester pode ter a estreia do recém-contratado Ndidi e deverá contar com o retorno de Jamie Vardy após suspensão. Assim como Gueye, os argelinos Mahrez e Slimani também participarão da CAN e desfalcarão as Raposas nesta partida.

RETROSPECTO

Última vitória do Everton sobre o Leicester em Goodison aconteceu em 2003, mas de lá pra cá foram apenas mais dois encontros entre os dois times na Grand Old Lady
O Everton venceu no primeiro encontro entre as duas equipes na atual temporada da Premier League, por 2 a 0, fora de casa; porém, em Goodison Park os Blues só derrotaram o Leicester uma vez nos últimos três encontros - vitória por 3 a 2 em dezembro de 2003. No retrospecto geral o Everton é superior: 39 vitórias contra 32 empates e 33 êxitos dos Foxes.

PROVÁVEIS ESCALAÇÕES

Everton: Robles; Coleman, Williams, Funes Mori, Baines; Davies, Barry; Valencia, Barkley, Mirallas; Lukaku.

Leicester: Schmeichel; Simpson, Morgan, Huth, Fuchs; Albrighton, Mendy, Drinkwater, Gray; Vardy e Okazaki.

TRANSMISSÃO
Sem transmissão para o Brasil

ARBITRAGEM
Árbitro: Martin Atkinson
Assistentes: Harry Lennard e Mark Scholes
Quarto Árbitro: Jeremy Simpson

Everton contrata Ademola Lookman, ex-Charlton

Ademola Lookman assina com o Everton pelos próximos 4 anos e meio. Foto de divulgação do clube.
Aproveitando a repercussão positiva do Encontro Geral realizado na última quarta-feira (e cujas informações serão colocadas em breve aqui no blog), o Everton aproveitou o "bom momento" e os recursos de emojis para anunciar sua primeira contratação na janela de transferências de janeiro deste novo ano de 2017: o jovem Lookman, de 19 anos, vindo do Charlton Athletic.

Ademola Lookman é inglês, já está figurando no sub-20 do English Team e atua como winger - o famoso meia pelos lados ou ponta-atacante, como preferirem. O jogador assinou por 4 anos e meio com os Toffees e vem por uma quantia não revelada pelos clubes, porém especula-se que o Everton pagou dez milhões de libras ao Charlton pela transferência, tornando Lookman o jogador mais caro da história da League One, a terceira divisão inglesa. Nesta temporada Ademola já marcou sete gols em vinte e cinco partidas pelo clube londrino.

Veloz e habilidoso, Lookman chamou atenção desde sua estreia no time principal do Charlton, em meados da temporada passada. Foto: site oficial do clube.
Sobre sua chegada em Merseyside, Ademola disse que, assim que ouviu sobre o interesse do Everton, sabia que era o destino certo para si. Ele também destacou a importância de Koeman, citando o técnico, sua passagem pelo Southampton e seu trabalho com jogadores jovens como um atrativo para acertar a transferência com os Blues.

Tido como "grande talento" por Ronald Koeman, Ademola pode fazer parte do "núcleo jovem" do time principal. Foto: site oficial do clube.
Já Koeman manifestou satisfação com a chegada do jovem meia, rotulando-o como um "grande talento". Além disso, Ronald ressaltou que transferências desse tipo são parte da visão que ele tem para o clube, e que acredita no desenvolvimento do jogador.

Ademola Lookman vestirá a camisa número 31 e pode alternar entre a equipe principal e a sub-23, seguindo os passos de outro jovem contratado há pouco tempo, Calvert-Lewin.